Roça, 162

Roça

Tarefa antiga, mister do fazer

Fazer acontecer na horta divina

Quem semeia e planta adora o nascer

Da vida que brota, cresce e fascina

 

Deus pai fez o grão, semente do ser

Fez água abundante que nasce servida

Terra solo fértil, tempo para crescer

Toda a sorte de alimento pra ser consumida

 

Roçar e plantar a terra espera

Que o caboclo ou máquina venha urdir

Quem conhece avança, terra não desespera

Tempo certo pra tudo garantir o porvir

 

Homem simples do campo sabe e entende do assunto

Terra morta não existe, o que existe é preguiça

Se arar, se molhar, adubar, tudo junto

Repetir e ajudar, natureza não é noviça

 

Traça o plano correto o matuto que seja

Escolhe o trato da roça, pensa,  tudo planeja

Só não espere que Deus faça a maior parte

Percebes que tu és essencial nessa arte

Quinto Zili

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s