Susto, 142

Susto

 

Acordo inquieto, me pego com medo

Mal vi a luz do dia e já sinto pressa

O enredo de hoje veio logo cedo

Correr, batalhar, preocupação à beça

 

Quase todo dia, logo ao despertar

Me sinto já fraco, todo receoso

Vem aquela sensação de poder falhar

Temer o fracasso e ficar medroso

 

O ritmo cai ao abrir meu olhar

Penso logo em Deus e no mestre Jesus

Rogar iluminação, meu dia a abençoar

Fazer meu esforço pra bem acordar

 

Agradeço a vida por mais uma noite

Que hoje meu dia seja pleno trabalhar

Entendo o processo que não é um açoite

Viver é estar vivo, vida longa alcançar

 

O susto acontece, ainda é assim

Cada dia porém se melhora um pouco

É possível entender que tudo tem um fim

E que sou bem normal, não sou louco

Quinto Zili

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s