Renascer, 249

Renascer

Do dia, da Lua

De uma ideia à frente

Fonte de outro ou sua

Luz que evanesce a mente

 

Nascer, renascer do ser

Semente replantada, ávida

Permitida a vida até sem o crer

Que para renascer, só com dádiva

 

Olvidar que crescer é mister

Da alma embarcar de novo

Num corpo que cada vida requer

Recriar o tempo e o espaço em jogo

 

Não se perde nada e nunca

Desperdício nem do corpo tido

Esse que depois se adunca

Por ter sido, nosso melhor abrigo

Quinto Zili

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s