Cartas, 279

Cartas

Tecnologia das mãos

Lápis e papel

No passado dos anciãos

Escrita era o céu

 

Escriba tinha valor

Letrado e culto

Registrava o saber e a dor

Garantia o lustro e seu vulto

 

Os bits chegaram

O escrever se transformou

Leitura e pesquisa se ampliaram

O mundo se questionou

 

Tudo hoje está em nuvem acessível

Mentes obnubiladas se esgotam

Carecem de foco e olhar sensível

Perdeu-se o homem na própria informação

 

Esquecer o simples é próprio do ser

Carta magna é conceito maior

Cartas simples nos fizerem crescer

Escrever, amar, recriar o valor

Quinto Zili

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s